COVID-19 REQUISITOS PARA VIAJAR PARA O QUÉNIA (Portuguese)

REF. KELA/ADM/34/VOL.I/ (87)

ETE AVISO É EMITIDO COM EFEITOS A PARTIR DE 11 DE MARÇO DE 2022

A. REQUISITOS GERAIS DE VIAGEM

  1. Todos os viajantes que cheguem ao Quénia através de qualquer dos pontos de entrada devem ter um certificado de vacinação da COVID-19. As categorias de viajantes seguintes estão isentas dos requisitos:
    a. Os viajantes com condições médicas impedindo a vacinação. Á tais pessoas se deve ser solicitar o fornecimento de uma carta de um praticante de medicina reconhecido que trata das razões médicas que impedem a vacinação.
    1. Os viajnates que se recuperaram de uma infecção activa da COVID-19 ou receberam plasma covalescente nos 90 dias anteriores. À tais pessoas será solicitada a providenciar uma carta de um praticante de medicina reconhecido, demostrando que as pessoas podem ter recoperado de uma infecção activa nos recentes 90 dias.
    2. Os quenianos não vacinados de regresso que têm dificuldades de aceder à vacinas nos seus países de residências actuais. Tais pessoas devem estar preparadas para serem vacinadas imediatamente após chegada e devem registar-se para vacinação na plataforma Chanjo-Ke antes da partida. A prova de registo será solicitada antes da entrada no país.
  2. Todos os viajantes vindo ao Quénia que estejam totalmente vacinados estarão isentos dos requisitos do teste de PCR.
  3. Todos viajantes não vacinados elegíveis, a chegarem à qualquer ponto de entrada no Quénia, devem estar na posse de um certificado de teste de PCR negativo da COVID-19, com 72 horas antes da partida, sem ter em conta a rota da entrada. Crianças abaixo de 5 (cinco) anos estão isentas dos requisitos.
  4. Os viajantes não vacinados a chegarem à qualquer ponto de entrada serão sujeitos à teste antígeno rápido ao seu próprio custo de US$ 30. Qualquer pessoa que testar positivo no antígeno RDT será sujeita ao teste PCR com custos adicionais pessoais de US$ 50 e autoisolar-se. Os viajantes abaixo de 5 (cinco) anos estão isents deste requisito de testagem.
  5. Não haverá verificação de papel de resultados de teste e certificados de vacinação da COVID-19 após chegada no Quénia. As linhas aéreas deverão assegurar que todos os viajantes carregaram ambos os documentos no paraíso global antes de embarcarem via www.globalhaven.org.
  6. As equipas de operação estão isentas do teste de COVID-19 nas escalas de vôo. Elas devem aderir ao protocolo da COVID-19, do aeroporto ao hotel/ residência e de volta ao aeroporto.
  7. Espera-se que todos os passageiros preencham o formulário de localização na platafroma “jitenge”. https://ears.health.go.ke/airline_registration/
  1. Aos passageiros a viajar para fora do Quénia será solicitado a respeitar os requisitos relacionados com as medidas particulares da viagem, saúde e COVID-19 do país de destino.
  2. Os testes de partida podem ser considerados à discrição de qualquer das líneas aéreas a partirem de qualquer terminal do Quénia.
  3. Á todos os viajantes aos países que requeram testes antigénicos horas antes da viagem será solicitada a rápida testagem antigénica no Posto de Saúde do Ministério da Saúde no aeroporto e os resultados serão carregados na plataforma de Viagem de Confiança.

LUANDA, 15 DE MARÇO DE 2022

VIEW DOCUMENT HERE: https://kenyaembassyangola.com/wp-content/uploads/2022/03/COVID-19-REQUIREMENTS-FOR-TRAVEL-TO-KENYA-15-MARCH-2022-PORTUGUESE.pdf